SEJA BEM VINDO

SEJA BEM VINDO
Demais é D+

domingo, 30 de maio de 2010


Mente vazia é brecha para a entrada do pecado

Estando com a mente desocupada é convite para se aproximar do espírito da carne e distanciar do Espírito de Deus. Homem de mente vazia é homem de porta aberta para o pecado. Vamos falar hoje do Rei Davi, homem ungido, homem segundo o coração de Deus. Davi foi o homem que nas inúmeras batalhas que estivera presente saiu sempre vencedor, a única derrota, alias uma grande derrota foi quando o ungido não foi para o campo de combate resolvendo ficar em casa. Na batalha lá fora o seu exercito venceu, mas a batalha em que ficou o rei Davi era a batalha do Espírito de Deus contra o espírito da carne, e nesta batalha o rei optou pela carne e sofreu a sua maior derrota. A bíblia narra que era época de guerra, toda Jerusalém na batalha, mas o rei resolveu ficar em casa. “E ACONTECEU que, tendo decorrido um ano, no tempo em que os reis saem à guerra, enviou Davi a Joabe, e com ele os seus servos, e a todo o Israel; e eles destruíram os filhos de Amom, e cercaram a Rabá; porém Davi ficou em Jerusalém” (2.º Samuel 11:1).
Davi homem ungido, homem de guerra e temente a Deus no dia em que pecou a bíblia diz que acabara de se levantar e estava passeando no jardim. “E aconteceu que numa tarde Davi se levantou do seu leito, e andava passeando no terraço da casa real, e viu do terraço a uma mulher que se estava lavando; e era esta mulher mui formosa à vista” (2.º Samuel 11: 2).
Trazendo para os dias atuais, notamos que nada mudou; muitas das vezes vemos nossas famílias saírem para a igreja, apesar de sabermos qual a finalidade desta comunhão, ignoramos que eles precisam ir revestidos de toda a armadura de Deus, pois estarão enfrentando uma guerra espiritual “Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais” (Efésios 6: 12). Mas mesmo assim nos acabamos fazendo o que o rei Davi fez: acabamos ficando em casa fugindo da guerra. Ao ficarmos em casa a primeira coisa que fazemos é assistir televisão, um bombardeio de coisas ruins, um esvaziamento das coisas de Deus nas nossas mentes, é como surgisse uma grande alavanca para abrir brechas em nossos corações facilitando a entrada do pecado. Assim foi com o rei Davi o ungido de Deus, seu pecado o abalou tanto que fez que o grande rei perdesse o controle da situação, passando a fazer julgamentos precipitados quando recebeu o profeta Natã enviado por Deus. (Leia 2.º Samuel 12: 1 ao 7). A ira do rei Davi foi tão grande que acabou julgando e condenando aquele homem a morte. “Então o furor de Davi se acendeu em grande maneira contra aquele homem, e disse a Natã: Vive o SENHOR, que digno de morte é o homem que fez isso” (2.º Samuel 12: 5), e pior de tudo é que o rei estava julgando e condenando a si mesmo, esta situação mais uma vez nos mostra que o homem perturbado pelos seus erros seu raciocínio fica inteiramente voltado para a emoção e não para a razão. Já o profeta como de costume, mostrou coragem e confiança em Deus, enfrentou o rei e acabou dizendo quem era este homem que cometera tão grande pecado. “Então disse Natã a Davi: Tu és este homem” (2.º Samuel 12: 7-a).Ao cometer o pecado o rei Davi viveu período de tribulações no seu governo e na sua vida particular, mas nos deixou um bom exemplo neste episódio ao se humilhar e pedir perdão ao nosso Deus. “TEM misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das tuas misericórdias” (Salmos 51: 1).

Nenhum comentário:

O Amor é Lindo

O Amor é Lindo
FELIZ...EU QUERO É MAIS!